Oficina CEER
 22-11-2012
PORTO "RECEBE" OS IRMÃOS QUE ACORDARAM A BRANCA DE NEVE

Os nomes de Jacob e Wilhelm Grimm podem dizer pouco à maioria. Mas se dissermos que foram os responsáveis pela compilação e divulgação, no século XIX, de fábulas como as da Branca de Neve ou do Capuchinho Vermelho, o caso muda de figura. A partir da próximaquarta-feira, 22 de novembro, é esse legado que será recuperado em “Os Irmãos Grimm – Vida e Obra”, exposição que chega à Biblioteca Municipal do Porto numa iniciativa que conta com a parceria do Instituto de Literatura Comparada da Faculdade de Letras da Universidade do Porto (FLUP).

Nesta exposição, integrada no âmbito do bicentenário da publicação do primeiro volume dos Kinder- und Hausmärchen (1812), a famosa coleção de contos dos Irmãos Grimm, os visitantes poderão então conhecer a história por detrás das histórias da Branca de Neve, do Capuchinho Vermlho e de outras personagens dos contos de fadas como Cinderela, Rapunzel, A Bela Adormecida ou Hansel e Gretel. Para além da recolha compilação de fábulas infantis, Jacob Grimm (1785-1863) e Wilhelm Grimm (1786-1859) notabilizaram-se pelos estudos que desenvolveram na áreas do folclore e da linguísticas, dos quais resultou a produção do Grande Dicionário Alemão (Deutsches Wörterbuch), obra cujo primeiro volume foi apenas foi lançado em 1965.

Elaborada pela Brüder Grimm-Gesellschaft e pelo Brüder Grimm-Museum, a exposição conta ainda com os patrocínios da Embaixada da República Federal da Alemanha, do Goethe-Institut de Lisboa, da Universidade de Aveiro e da Fundação Marion Ehrhardt. A inauguração de “Os Irmãos Grimm – Vida e Obra” está agendada para as 18 horas de quarta-feira, 22 de novembro, e será assinalada com um Porto de honra. Depois disso a exposição ficará patente até 15 de janeiro de 2013, na Biblioteca Municipal do Porto (Rua D. João IV, ao Jardim de S. Lázaro).

Fonte: noticias.up.pt Fonte: noticias.up.pt